68 horas

Língua Portuguesa

Gramática Aplicada à Revisão de Texto V

O conhecimento da norma culta da língua portuguesa e de técnicas para uma comunicação eficiente é uma exigência cada vez maior de qualquer profissão. A comunicação é necessidade básica do ser humano e constitui o canal pelo qual os padrões de sua cultura lhe são transmitidos e, mediante o qual, aprende a ser membro de uma sociedade.

A vida em sociedade supõe intercâmbio e comunicação, que se realizam fundamentalmente pela língua, cujo papel é cada vez mais importante nas relações humanas. E comunicação é isso: participação, transmissão, troca de ideias, conhecimentos e experiências. Os textos constituem a expressão materializada da comunicação humana, pois com eles, os homens se tornam contemporâneos do passado e do futuro a um só tempo.

Os funcionários públicos não expedem mensagens para exibir conhecimentos; escrevem-nas para trocar informações, reconhecer direitos e vantagens, estabelecer obrigações, comunicar intenções, realizar negócios. Assim, um texto oficial de boa qualidade, especialmente aqueles que podem criar direitos, obrigações e compromissos, depende de certos pré-requisitos, aqui chamados fundamentos. A proposta deste curso é mostrar como utilizar esses fundamentos, de ordem ética, legal, linguística e estética, da maneira mais prática e coerente em um texto oficial, empregando corretamente as regras da nova ortografia no Brasil, para desenvolver revisão textual capaz de uniformizar e proporcionar ao interlocutor uma mensagem de fácil compreensão e seguro teor textual.

MAIS DETALHES

44 horas

Língua Portuguesa

Gramática Aplicada à Revisão de Texto IV

O conhecimento da norma culta da língua portuguesa e de técnicas para uma comunicação eficiente é uma exigência cada vez maior de qualquer profissão. A comunicação é necessidade básica do ser humano e constitui o canal pelo qual os padrões de sua cultura lhe são transmitidos e, mediante o qual, aprende a ser membro de uma sociedade.

A vida em sociedade supõe intercâmbio e comunicação, que se realizam fundamentalmente pela língua, cujo papel é cada vez mais importante nas relações humanas. E comunicação é isso: participação, transmissão, troca de ideias, conhecimentos e experiências. Os textos constituem a expressão materializada da comunicação humana, pois com eles, os homens se tornam contemporâneos do passado e do futuro a um só tempo.

Os funcionários públicos não expedem mensagens para exibir conhecimentos; escrevem-nas para trocar informações, reconhecer direitos e vantagens, estabelecer obrigações, comunicar intenções, realizar negócios. Assim, um texto oficial de boa qualidade, especialmente aqueles que podem criar direitos, obrigações e compromissos, depende de certos pré-requisitos, aqui chamados fundamentos. A proposta deste curso é mostrar como utilizar esses fundamentos, de ordem ética, legal, linguística e estética, da maneira mais prática e coerente em um texto oficial, empregando corretamente as regras da nova ortografia no Brasil, para desenvolver revisão textual capaz de uniformizar e proporcionar ao interlocutor uma mensagem de fácil compreensão e seguro teor textual.

MAIS DETALHES

16 horas

Língua Portuguesa

Gramática Aplicada à Revisão de Texto III

O conhecimento da norma culta da língua portuguesa e de técnicas para uma comunicação eficiente é uma exigência cada vez maior de qualquer profissão. A comunicação é necessidade básica do ser humano e constitui o canal pelo qual os padrões de sua cultura lhe são transmitidos e, mediante o qual, aprende a ser membro de uma sociedade.

A vida em sociedade supõe intercâmbio e comunicação, que se realizam fundamentalmente pela língua, cujo papel é cada vez mais importante nas relações humanas. E comunicação é isso: participação, transmissão, troca de ideias, conhecimentos e experiências. Os textos constituem a expressão materializada da comunicação humana, pois com eles, os homens se tornam contemporâneos do passado e do futuro a um só tempo.

Os funcionários públicos não expedem mensagens para exibir conhecimentos; escrevem-nas para trocar informações, reconhecer direitos e vantagens, estabelecer obrigações, comunicar intenções, realizar negócios. Assim, um texto oficial de boa qualidade, especialmente aqueles que podem criar direitos, obrigações e compromissos, depende de certos pré-requisitos, aqui chamados fundamentos. A proposta deste curso é mostrar como utilizar esses fundamentos, de ordem ética, legal, linguística e estética, da maneira mais prática e coerente em um texto oficial, empregando corretamente as regras da nova ortografia no Brasil, para desenvolver revisão textual capaz de uniformizar e proporcionar ao interlocutor uma mensagem de fácil compreensão e seguro teor textual.

MAIS DETALHES

04 horas

Língua Portuguesa

Gramática Aplicada à Revisão de Texto II

O conhecimento da norma culta da língua portuguesa e de técnicas para uma comunicação eficiente é uma exigência cada vez maior de qualquer profissão. A comunicação é necessidade básica do ser humano e constitui o canal pelo qual os padrões de sua cultura lhe são transmitidos e, mediante o qual, aprende a ser membro de uma sociedade.

A vida em sociedade supõe intercâmbio e comunicação, que se realizam fundamentalmente pela língua, cujo papel é cada vez mais importante nas relações humanas. E comunicação é isso: participação, transmissão, troca de ideias, conhecimentos e experiências. Os textos constituem a expressão materializada da comunicação humana, pois com eles, os homens se tornam contemporâneos do passado e do futuro a um só tempo.

Os funcionários públicos não expedem mensagens para exibir conhecimentos; escrevem-nas para trocar informações, reconhecer direitos e vantagens, estabelecer obrigações, comunicar intenções, realizar negócios. Assim, um texto oficial de boa qualidade, especialmente aqueles que podem criar direitos, obrigações e compromissos, depende de certos pré-requisitos, aqui chamados fundamentos. A proposta deste curso é mostrar como utilizar esses fundamentos, de ordem ética, legal, linguística e estética, da maneira mais prática e coerente em um texto oficial, empregando corretamente as regras da nova ortografia no Brasil, para desenvolver revisão textual capaz de uniformizar e proporcionar ao interlocutor uma mensagem de fácil compreensão e seguro teor textual.

MAIS DETALHES

04 horas

Língua Portuguesa

Gramática Aplicada à Revisão de Texto I

O conhecimento da norma culta da língua portuguesa e de técnicas para uma comunicação eficiente é uma exigência cada vez maior de qualquer profissão. A comunicação é necessidade básica do ser humano e constitui o canal pelo qual os padrões de sua cultura lhe são transmitidos e, mediante o qual, aprende a ser membro de uma sociedade.

A vida em sociedade supõe intercâmbio e comunicação, que se realizam fundamentalmente pela língua, cujo papel é cada vez mais importante nas relações humanas. E comunicação é isso: participação, transmissão, troca de ideias, conhecimentos e experiências. Os textos constituem a expressão materializada da comunicação humana, pois com eles, os homens se tornam contemporâneos do passado e do futuro a um só tempo.

Os funcionários públicos não expedem mensagens para exibir conhecimentos; escrevem-nas para trocar informações, reconhecer direitos e vantagens, estabelecer obrigações, comunicar intenções, realizar negócios. Assim, um texto oficial de boa qualidade, especialmente aqueles que podem criar direitos, obrigações e compromissos, depende de certos pré-requisitos, aqui chamados fundamentos. A proposta deste curso é mostrar como utilizar esses fundamentos, de ordem ética, legal, linguística e estética, da maneira mais prática e coerente em um texto oficial, empregando corretamente as regras da nova ortografia no Brasil, para desenvolver revisão textual capaz de uniformizar e proporcionar ao interlocutor uma mensagem de fácil compreensão e seguro teor textual.

MAIS DETALHES

04 horas

Qualificação Empresarial

Motivação nas Organizações

A motivação é um construto que permeia diferentes áreas de conhecimento. E nos remete a pensar em motivo. Este segundo o dicionário Michaelis (versão on line) significa “capaz de mover”. Logo, em sentido amplo, a motivação está relacionada a um movimento que é impulsionado por variadas causas de diferentes naturezas. Motivar, então, possui uma proximidade com movimentar em direção a determinado alvo ou objetivo.

A partir desta compreensão mais ampla, há uma variação conceitual em relação à motivação definida pelo campo de análise deste fenômeno. Neste curso, veremos o principal conceito adotado, as respectivas teorias da motivação nas organizações e a abordagem contemporânea da motivação nas organizações. Ao final, teremos algumas questões de fixação de conteúdo que são fundamentais para o aprendizado.

MAIS DETALHES

08 horas

Auto-organização Pessoal

Rotina e Administração do Tempo

Agenda lotada, muitos compromissos, distrações, transporte que demora e no final do dia estamos exaustos e com a maior parte das tarefas que havíamos programado por fazer ou sem serem concluídas.  Passamos tudo para o dia seguinte e o ciclo recomeça.

Você já passou por isso? Calma, você não está sozinho. Em uma pesquisa realizada pela CAGI Consultoria em Abril de 2019, 69% das pessoas indicaram que tratam o relógio como um inimigo nas tarefas do dia a dia.

O segredo, então, é ter consciência de que há espaço para melhoria e você já está no caminho certo com esse e-book.

Trazemos para você a algumas técnicas e ferramentas para administrar nosso tempo com mais consciência e clareza para fazer com que o relógio passe a trabalhar a seu favor.

Vamos juntos?

MAIS DETALHES

04 horas

Networking/ Redes Sociais

Networking e Rede de Conexões

Montar a sua rede de conexões pode parecer fácil na era digital em que estamos atualmente, mas na verdade ela ficou muito mais difícil. É por isso que vamos te ajudar!

Neste curso, você vai conhecer os fundamentos do networking, quais são as suas bases e fundamentos e receberá dicas para montar uma rede consistente e forte.

Falaremos também das melhores práticas nas redes sociais e como tornar a sua rede um foco de informação, fortalecendo o seu networking e contribuindo para o seu crescimento pessoal e profissional. Vamos juntos?

MAIS DETALHES

24 horas

Educação/Pedagogia

Síndrome de Down: Curso III

Para estudarmos e compreendermos a Síndrome de Down, precisamos ter um prévio conhecimento sobre a genética.  A síndrome de Down é um defeito congênito, ou seja, o indivíduo já nasce com ela.

Este curso aborda uma série de aspectos referentes a Síndrome de Down e os indivíduos que dispõem dessa característica, especialmente dos aspectos clínicos, sociais e educacionais.

MAIS DETALHES

16 horas

Educação/Pedagogia

Síndrome de Down: Curso II

Para estudarmos e compreendermos a Síndrome de Down, precisamos ter um prévio conhecimento sobre a genética.  A síndrome de Down é um defeito congênito, ou seja, o indivíduo já nasce com ela.

Este curso aborda uma série de aspectos referentes a Síndrome de Down e os indivíduos que dispõem dessa característica, especialmente dos aspectos clínicos, sociais e educacionais.

MAIS DETALHES

08 horas

Educação/Pedagogia

Síndrome de Down: Curso I

Para estudarmos e compreendermos a síndrome de Down, precisamos ter um prévio conhecimento sobre a genética.

Termos como DNA, heredograma, cromossomos, herança genética, fenótipo, genótipo e cariótipo serão apresentados para que os aspectos da síndrome se tornem mais claros.

MAIS DETALHES

08 horas

Educação/Pedagogia

O Aluno Disléxico na Educação Especial

Os Transtornos Específicos de Aprendizagem relacionam-se às disfunções do desenvolvimento neurocognitivo envolvidas no ato de aprender (BUTTERWORTH; KOVAS, 2013); diferem da dificuldade de aprendizagem, que é extrínseca ao indivíduo e decorrente de falhas pedagógicas e/ou fatores socioculturais, e demandam tratamento especializado para suas manifestações. As mais comuns são: a dislexia, a discalculia e a disgrafia, que podem ocorrer isoladamente ou combinadas entre si e devem ser cuidadosamente investigadas. Ciasca (2003) os caracterizou como condições intrínsecas ao indivíduo que podem, eventualmente, ocorrer em comorbidade com outros transtornos mentais e do comportamento que surgem na infância e adolescência (CID-10/OMS, 1993).

A World Federation of Neurology, em 1968, identificou a dislexia do desenvolvimento como sendo uma desordem da leitura que ocorre na presença de inteligência média, instrução escolar adequada e oportunidades socioculturais suficientes (CRITCHLEY, 1970). Tal definição foi criticada por alguns autores por definir principalmente o que a dislexia não é, isto é, definindo-a por exclusão e com a falta de critérios de inclusão (RUTTER, 1982).

Este curso tem por objetivo apresentar os principais aspectos propostos pelo Ministério da Educação, no que diz respeito à inclusão, oportunizando uma reflexão sobre o espaço ocupado pelos transtornos da aprendizagem, mais especificamente o aluno com dislexia, na atual legislação.

MAIS DETALHES